PÁGINA INICIAL

 
A TABELA DO
CAMPEONATO
.
.
.
NÚMEROS DO
TORNEIO
20
PARTICIPANTES
380
JOGOS
860
GOLS
2,26
MÉDIA DE GOLS
5.845.588
 TOTAL DE PÚBLICO*
16.238
 MÉDIA DE PÚBLICO*
* Base: 360 jogos *
(Apenas Público Pagante)
.
.
.

ALMANAQUE DO

BRASILEIRÃO 2014
.
.
MAIOR
GOLEADA
21.09.2014
Goiás Palmeiras
6 0
Serra Dourada
(Goiânia/GO)
21.09.2014
Botafogo Criciúma
6 0
Maracanã
(Rio de Janeiro/RJ)
.
.
.
OS MELHORES

ATAQUE

CRUZEIRO
67 GOLS

DEFESA

GRÊMIO
24 GOLS

.

.
.
OS PIORES

ATAQUE

CRICIÚMA
28 GOLS

DEFESA

PALMEIRAS
59 GOLS
 
.
.

OS PARTICIPANTES

DA SÉRIE A  2014

.
.
PARTICIPANTES
POR ESTADO

SP

RJ SC

4

3 3
BA MG PR
2 2 2

RS

GO

PE

2

1

1

.

.
.

OS MASCOTES

MASCOTES DE CLUBES DA SÉRIE A

DA SÉRIE A

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

.
.
2013
.
 
CAMPEONATO BRASILEIRO
2014

O CAMPEÃO
CRUZEIRO
Cruzeiro Esporte Clube
Fundação: 02 de janeiro de 1921
Rua dos Guajajaras, 1722 - Belo Horizonte (MG)
Estádio: Mineirão (62.547 lugares) 
Site:  www.cruzeiro.com.br  -  Mascote: Raposa
.
 

COLOCAÇÃO FINAL

  C

  PARTICIPANTES

PG J V E D GP GC SG

  CRUZEIRO (MG)

80 38 24 8 6 67 38 29

  SÃO PAULO (SP)

70 38 20 10 8 59 40 19

  INTERNACIONAL (RS)

69 38 21 6 11 53 41 12

  CORINTHIANS (SP)

69 38 19 12 7 49 31 18

  ATLÉTICO (MG)

62 38 17 11 10 51 38 13

  FLUMINENSE (RJ)

61 38 17 10 11 59 40 19

  GRÊMIO (RS)

61 38 17 10 11 36 24 12

  ATLÉTICO (PR)

54 38 15 9 14 43 42  1

  SANTOS (SP)

53 38 15 8 15 42 35  7
10º

  FLAMENGO (RJ)

52 38 14 10 14 46 47 -1
11º

  SPORT (PE)

52 38 14 10 14 36 46 -10
12º

  GOIÁS (GO)

47 38 13 8 17 38 40 -2
13º

  FIGUEIRENSE (SC)

47 38 13 8 17 37 47 -10
14º

  CORITIBA (PR)

47 38 12 11 15 42 45 -3
15º

  CHAPECOENSE (SC)

43 38 11 10 17 39 44 -5
16º

  PALMEIRAS (SP)

40 38 11 7 20 34 59 -25
17º

  VITÓRIA (BA)

39 38 10 9 19 38 54 -16
18º

  BAHIA (BA)

37 38 9 10 19 31 43 -12
19º

  BOTAFOGO (RJ)

34 38 9 7 22 31 48 -17
20º

  CRICIÚMA (SC)

32 38 7 9 20 28 56 -28
   

  

. . . . . . . .

CLUBES REBAIXADOS PARA A SÉRIE B
VITÓRIA BAHIA BOTAFOGO CRICIÚMA

ARTILHEIROS

Fred (Fluminense)

Henrique (Palmeiras)

Marcelo Moreno e Ricardo Goulart (Cruzeiro)

Barcos (Grêmio)

Guerrero (Corinthians) e Erik (Goiás)

Diego Tardelli (Atlético-MG) e Leandro (Chapecoense)

Cléo (Atlético-PR), Conca (Fluminense), Alexandro Pato e Luís Fabiano (São Paulo)

Joel (Coritiba), Eduardo da Silva (Flamengo), Rafael Moura (Internacional),

Gabriel (Santos), Alan Kardec e Rogério Ceni (São Paulo) e Dinei (Vitória)

Douglas Coutinho (Atlético-PR), Alecsandro (Flamengo) e Wagner (Fluminense)

Kieza (Bahia), Emerson e Zeballos (Botafogo), Luciano (Corinthians), Alex (Coritiba),

Everaldo (Figueirense), Nixon (Flamengo), Cícero (Fluminense),

Aránguiz e D'Alessandro (Internacional), Leandro Damião (Santos) e Patric (Sport)

Carlos, Dátolo e Luan (Atlético-MG), Cleberson e Marcelo (Atlético-PR),

Daniel (Botafogo), Tiago Luís (Chapecoense), Zé Eduardo (Coritiba),

Lucca (Criciúma), Éverton Ribeiro (Cruzeiro), Clayton e Marcão (Figueirense),

Alex (Internacional), Ganso (São Paulo), Neto Baiano (Sport), Caio e Edno (Vitória)

Dodô e Leonardo Silva (Atlético-MG), Wallyson (Botafogo), Camilo (Chapecoense),

Fábio Santos, Gil e Jadson (Corinthians), Paulo Baier e Souza (Criciúma), Júlio Baptista e

Marquinhos (Cruzeiro), Giovanni Augusto e Pablo (Figueirense), Éverton (Flamengo),

David e Jackson (Goiás), Alan Ruiz e Luan (Grêmio), Eduardo Sasha (Internacional),

Geuvânio, Robinho e Thiago Ribeiro (Santos), Edson Silva (São Paulo) e Diego Souza (Sport)

André e Guilherme (Atlético-MG), Bady, Dellatorre e Marcos Guilherme (Atlético-PR), Fahel e

Maxi Biancucchi (Bahia), Bruno Rangel e Bruno Silva (Chapecoense), Elias e Romarinho (Corinthians),

Dudu, Keirrison, Leandro Almeida e Robinho (Coritiba), Rodrigo Souza e Silvinho (Criciúma),

Alisson, Dagoberto e Nilton (Cruzeiro), Marco Antônio e Mazola (Figueirense), Gabriel (Flamengo),

Edson e Rafael Sóbis (Fluminense), Ramón e Thiago Mendes (Goiás), Dudu (Grêmio),

Fabrício, Paulão e Wellington Paulista (Internacional), David Braz e Lucas Lima (Santos),

Souza (São Paulo), Danilo, Felipe Azevedo e Mike (Sport), Kadu e Marcinho (Vitória)

Tiago Pagnussat (Atlético-MG), Anderson Talisca, Emanuel Biancucchi, Guilherme Santos e

Henrique (Bahia), Bolatti, Edílson e Rogério (Botafogo), Abuda, Diones, Grolli e

Ricardo Conceição (Chapecoense), Danilo, Fagner, Malcom e Petros (Corinthians), Helder,

Luccas Claro e Martinuccio (Coritiba), Serginho (Criciúma), Borges, Dedé, Léo e Willian (Cruzeiro),

Thiago Heleno (Figueirense), Canteros, Elton, Lucas Mugni, Márcio Araújo e Paulinho (Flamengo),

Jean, Kennedy e Walter (Fluminense), Amaral, Bruno Mineiro, Esquerdinha, Samuel e

Welinton Júnior (Goiás), Lucas Coelho, Ramiro, Riveros e Rodriguinho (Grêmio), Alan Patrick,

Cláudio Winck, Jorge Henrique, Nilmar, Valdívia e Wellington Silva (Internacional),

Cristaldo, Lúcio, Mouche e Wesley (Palmeiras), Bruno Uvini, Cícero e Diego Cardoso (Santos),

Antônio Carlos e Kaká (São Paulo), Joeliton e Rithely (Sport), Ayrton e Marquinhos (Vitória)

Douglas Santos, Fernandinho, Josué, Maicosuel, Marion, Pedro Botelho e Réver (Atlético-MG),

Dráuzio, Éderson, Hernani, Mosquito, Paulinho Dias, Ricardo Silva e Willian Rocha (Atlético-PR),

Branquinho, Demerson, Galhardo, Lincoln, Marcos Aurélio, Pará, Rafael Miranda, Railan,

Rômulo e Titi (Bahia), André Bahia, Bolívar e Ramirez (Botafogo), Alemão, Jaílton,

Rafael Lima e Zezinho (Chapecoense), Anderson Martins, Bruno Henrique, Guilherme e

Renato Augusto (Corinthians), Carlinhos, Chico, Dener, Germano e Norberto (Coritiba),

Cléber Santana, Fábio Ferreira, Joilson, Luis Felipe, Rafael Pereira, Roger Guedes e Ronaldo Alves

(Criciúma), Dedé, Hugo Ragelli, Lucas Silva, Manoel e Souza (Cruzeiro), França, Jefferson,

Léo Lisboa e Marquinhos (Figueirense), Anderson Pico, Léo Moura, Luiz Antônio, Marcelo, Samir e

Wallace (Flamengo), Chiquinho, Elivélton e Matheus Carvalho (Fluminense), Alex Alves e

Danilo (Goiás), Giuliano e Maxi Rodriguez (Grêmio), Taiberson e Wellington (Internacional),

Alan Kardec, Diogo, João Pedro, Juninho, Leandro, Marquinhos Gabriel, Mazinho, Renato,

Tobio e Victor Luís (Palmeiras), Alan Santos, Alison, Arouca e Rildo (Santos), Ademilson,

Boschilla, Douglas, Lucão, Maicon, Michel Bastos, Pabón e Rafael Tolói (São Paulo),

Ananias, Augusto César, Durval, Everton Páscoa, Régis e Rodrigo Mancha (Sport), Cáceres,

José Welison, Luiz Gustavo, Richarlyson, Souza, Vinícius, Willian Henrique e Willie (Vitória)

GOLS CONTRA

Alemão (Vitória para Atlético-MG e Cruzeiro) e Rithely (Sport para o São Paulo e Vitória)

Leonardo Silva (Atlético-MG para o Figueirense),

Deivid (Atlético-PR para o Atlético-MG), Léo Pereira (Atlético-PR para o Atlético-MG),

Dankler (Botafogo para o Bahia), Rafael Lima (Chapecoense para o Fluminense),

Ferrugem (Corinthians para o Chapecoense), Ralf (Corinthians para o Fluminense),

Lucas Claro (Coritiba para o Atlético-PR), Dedé (Cruzeiro para o Flamengo),

Léo (Cruzeiro para o Botafogo), Nirley (Figueirense para o Fluminense),

David (Goiás para o Fluminense), Felipe Macedo (Goiás para o Corinthians),

Pedro Henrique (Goiás para o Internacional), Fábio (Palmeiras para o Sport),

Ewerton Páscoa (Sport para o Fluminense), Lucão (São Paulo para o Fluminense),

Kadu (Vitória para o Flamengo) e Richarlyson (Vitória para o Grêmio)

    .


REGULAMENTO

PRIMEIRO E SEGUNDO TURNOS
O Campeonato Brasileiro da Série A de 2014 terá a participação de 20 clubes.
As equipes jogarão entre si, em turno e returno, totalizando 38 rodadas.
O clube que somar mais pontos ganhos será o campeão, sem necessidade de jogos finais.
VAGAS PARA COPA LIBERTADORES 2015
Os quatro primeiros disputarão a Taça Libertadores 2015.
Caso um clube brasileiro seja campeão da Copa Sul Americana,
apenas os três primeiros ficam com as vagas. O terceiro disputa a fase pré.
REBAIXAMENTO
Os quatro últimos colocados serão automaticamente rebaixados para a Série B, de onde
sobem também quatro equipes para compor a Série A em 2015, que contará com 20 participantes.
CRITÉRIOS DE DESEMPATE
1) Maior número de vitórias;  2) Maior saldo de gols;
3) Maior número de gols à favor;  4) Confronto direto;
5) Menos cartões vermelhos e amarelos;  6) Sorteio.
    .

PÁGINA INICIAL
PÁGINA INICIAL

Bola na Área © Copyright - Desde 2002